Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro - Assassinatos no Ceará em 2020

1.986 em 5/06/2020

Bandidos de uma facção criminosa dominam comunidades em Aquiraz e implantam o terror e até toque de recolher

Desaparecido

Emílio, entregador de pizzas, foi sequestrado por criminosos,em Aquiraz, e continua desaparecido

Moradores das comunidades da Prainha, Tapera, Iguape e Novo Iguape, além da Praia do Batoque, localizadas em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), se tornaram reféns de criminosos de uma facção e estão sendo ameaçados e até impedidos de circular no Município.

Bandidos armados impõem “toque de recolher” nas ruas e ameaçam matar quem desobedecer. Um entregador de pizza, seqüestrado pelos delinqüentes no último fim de semana continua desaparecido.

De acordo com as denúncias dos moradores, os criminosos transitam todos os dias nessas comunidades exibindo armas e intimidando a população. Proíbem as famílias de se deslocar entre as comunidades e ameaçam matá-las.

Uma das últimas ações dos criminosos foi o ataque a uma casa de veraneio na Praia do Batoque, no último fim de semana, quando renderam uma família inteira e acabaram matando o dono do imóvel, um funcionário da Caixa Econômica Federal, em um crime de latrocínio.

Desapareceu

Também no fim de semana, um jovem que trabalha como entregador de pizza, identificado apenas por Emílio saiu do estabelecimento comercial para fazer uma entrega e teria sido seqüestrado pelos membros de uma facção e não foi mais encontrado.

A Polícia já fez diversas buscas, mas o rapaz não foi localizado. A família teme que ele tenha sido morto.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar