Levando a sério o jornalismo 24 horas por dia.

Homicidômetro Mortes no Ceará 2017

3932
Atualizado em 16/10/2017

Bastidores da Segurança Pública do Ceará em destaque

Intermitente piscandoIntermitente piscandoIntermitente piscando

SIRENE ABERTA Fernando Ribeiro

André e PMFens

Já definido como candidato do Palácio da Abolição a deputado federal nas próximas eleições, o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, delegado federal André Costa, trata de correr atrás do seu eleitorado. E vem ganhando espaço, simpatia e apoio, dia a dia, na Polícia Militar (o principal filão eleitoral do deputado estadual Capitão Wagner).

Ainda ontem, André Costa foi efusivamente saudado pelas policiais militares femininas ao assinar uma portaria que vai assegurar às servidoras dos cinco órgãos vinculados à SSPDS (PM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Perícia Forense e Academia Estadual de Segurança Pública) proteção, direitos e garantias quando elas estiverem grávidas ou lactantes. E Costa não se fez de rogado: “Muitas decisões que tomo são a partir de idéias de outras pessoas, mas nessa, a iniciativa foi minha”, avisou.

POLICIAIS PROTEGIDAS

Entre os direitos garantidos às policiais, bombeiras e peritas estão:

1- Até o filho completar um ano de idade, as profissionais ficarão afastadas de serviços como condução de presos, sobreavisos e plantões.

2- Até o filho completar 2 anos de idade, a profissional não será obrigada a viajar a serviço com pernoite em outra cidade, e o policial que é pai durante os 60 primeiros dias após o nascimento. 3- ÀS profissionais será garantida a dispensa de horário, sem necessidade de compensação, quando for realizar exames pré-natais, estendido ao policial para acompanhar os exames das esposas. 4- Peritas e auxiliares não trabalharão em necrotério ou outros ambientes considerados insalubres e em laboratórios com riscos biológico e químico. 5- Dois intervalos diários de 30 minutos para amamentação ou redução de uma hora na jornada de trabalho diária, até o filho completar um ano.

Segundo Costa, sua ideia, colocada em prática com a portaria por ele já assinada, visa “vispor um tratamento mais humanizado às policiais femininas e também aos demais policiais para melhor cuidarem de seus filhos na primeira idade”.

PULOU NA FRENTE

Wagner Candidato

Rola nas redes sociais um aceno de que o deputado estadual Capitão Wagner (PR) pode ser o virtual candidato da oposição ao governo do estado do Ceará nas próximas eleições. No facebook já existe até uma página com o título de “Capitão Wagner – Governador 2018”. Não se trata, claro, de campanha antecipada. São gestos de simpatizantes do político. Aliás, nesta semana, Wagner foi protagonista de um embate com outro parlamentar, o deputado Osmar Baquit. Os dois trocaram farpas no plenário da Assembleia Legislativa e, por pouco, não foram às vias de fato. Tudo porque Baquit incitou a fera, acusando Wagner de defender o presidente Temer, a quem chamou de bandido. Wagner retrucou, afirmando que não apoiaria Temer e que Baquit é quem tem amizade com bandidos, citando os “Pipocas”, de Quixadá, acusados de diversos crimes no Sertão Central. Mas, ao exigir tempo regimental para rebater as insinuações e acusações de Baquit, Wagner acabou soltando um palavrão. Segura a língua, Capitão!!!

A CULPA É DE QUEM?

Daniel Maia

Excelente e esclarecedor o texto publicado no jornal O Povo pelo professor de Direito Penal da Universidade Federal do Ceará (UFC), Daniel Maia. Ao se reportar à violência desenfreada que atinge o estado, com índices estratosféricos de homicídios, ele dá a receita: “Se o estado não investir na Inteligência da Polícia investigativa, para que os criminosos sejam identificados e levados à Justiça, de nada vai adiantar aumentar o efetivo da Polícia Militar nas ruas”. E mais: “Não adianta culpar a morosidade do Judiciário ou os benefícios processuais do ordenamento jurídico brasileiro pelos alarmantes índices da criminalidade: O problema está bem antes disso, pois nem mesmo se consegue identificar os criminosos”, se referindo à falta de investigação. E em seguida: “Enquanto o estado não investir vigorosamente na reestruturação e valorização da Polícia Civil, a criminalidade continuará crescendo na confortável sombra da ineficiência estatal para combatê-la”. Precisa de dizer mais alguma coisa???

PROFISSÃO INDIGESTA

Menor

Profissionais que atuam como sócio-educadores nos centros destinados a abrigar menores infratores, em Fortaleza, lançaram uma carta aberta à sociedade cearense para denunciar a forma descabida e irresponsável como são tratados pelo governo do estado, além de expor as dificuldades que sofrem no dia a dia no trato com os delinquentes juvenis. Não receberem nenhum tipo de treinamento ou capacitação para o cargo, ficam expostos à toda sorte de perigo. Não dispõem sequer de equipamento de proteção individual para os constantes episódios de rebeliões, fugas e tumultos nos centros. Trabalham em locais insalubres (e não recebem a devida gratificação por isto), e são assediados moralmente, ameaçados de morte e agredidos fisicamente pelos “garotos em conflito com a lei”, para não dizer marginais juvenis. Promiscuidade, indisciplina e violência fazem parte da rotina desses centros, a exemplo do que acontece no Sistema Penitenciário do Ceará.

BOM PRA CACHORRO!!!

Pastor alemão

Tocante a homenagem que o comandante-geral da Polícia Militar do Ceará, coronel PM Ronaldo Viana, fez ao saber da morte do veterano cão pastor alemão “Tupã”, que pertencia ao plantel da Companhia de Policiamento com Cães (CPCães), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque). Em um texto postado nas redes sociais, Viana escreveu: “Tupã cumpriu seu último serviço pela CPCães na data de ontem (11), na Arena Castelão, por ocasião do jogo Ceará x Internacional (RS). Além de inúmeros serviços prestados à Corporação para a segurança da população cearense, nosso guerreiro canino também era utilizado para apresentações lúdicas em escolas, creches e exposições, levando alegria principalmente para as crianças. Tupã ingressou na PMCE no ano de 2011 e era extremamente querido por todos, especialmente pelo seu condutor e amigo, o soldado Uchoa. Vai fazer falta à nossa gloriosa Polícia Militar”.´escreveu.

AGORA, NO MICROFONE

César Wagner

Ex-superintendente da Polícia Civil do Ceará, delegado aposentado César Wagner Maia Martins não perde o dinamismo. Estreou nesta sexta-feira (14) como analista de Segurança Pública em programa de rádio na Capital. Vai debater assuntos da violência e da criminalidade, mas ampliará suas abordagens diárias também sobre leis e Justiça. Recentemente, César Wagner deixou o cargo de secretário de Segurança Pública do Município de Aracati, onde teve passagem meteórica. Não recebeu as devidas condições necessárias para uma gestão de excelência na Pasta. Vai atuar na comunicação radiofônica ao lado de jornalistas experientes.

E TEM MAIS!!!

* Câmara de Vereadores de Sobral realizou uma sessão solene para homenagear os 44 anos de fundação do Quartel do Corpo de Bombeiros Militar naquele Município. A unidade atende a 56 Municípios da Região Norte do estado, embora não esteja ainda equipada à altura da demanda. Militares trabalham com poucos equipamentos, viaturas e infraestrutura.

* Repercute ainda entre a classe de policiais civis do Ceará a morte do inspetor Flávio Martins Dantas, que sofreu um ataque cardíaco quando prestava depoimento na Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos da Segurança Pública e do Sistema Penitenciário. Aos familiares, revelou ter sofrido pressão e constrangimento. O Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) não vai deixar barato este triste episódio.

* Governador Camilo Santana já anunciou. Em agosto deverá ser convocada a Terceira Turma dos aprovados no concurso para soldado da PM. Com o fim do Ronda do Quarteirão, os neo-soldados a serem formados na Academia Estadual da Segurança Pública (Aesp) serão integrados ao efetivo do Policiamento Ostensivo Geral (POG), na Grande Fortaleza e no Interior.

* Na mesa do secretário da Segurança Pública um estudo que tem como objetivo a expansão do efetivo da Polícia Civil. Nele será inserido o número de vagas a serem preenchidas no cargo de delegado. Hoje são 311 cargos vagos. Em contrapartida, 326 candidatos aprovados no concurso de 2014 aguardam a convocação do Estado. E são 84 delegacias do Interior sem delegados, fechadas.

* Com 413 fugas entre janeiro e junho, o Sistema Penitenciário do Ceará anda de mal a pior. Somente no Complexo de Itaitinga, onde estão instaladas as Casas de Privação Provisória da Liberdade, o número de evasões no primeiro semestre foi 102, nas seguintes unidades: CPPL 1 (4 fugas), CPPL 3 (89), CPPL 4 (7), IPPOO2 (2). Na CPPL 3, onde está confinada a facção PCC, são oito agentes por turno de 24 horas para vigiar cerca de 1.460 presos de alta periculosidade.

* Equipe de inspetores e escrivães do 7º DP (Pirambu), sob o comando do delegado Paulo André Cavalcante, colocou os pés na lama literalmente para desvendar o cruel assassinato de uma mulher seqüestrada, torturada e morta por traficantes no Pirambu. Depois de duas semanas de buscas, agentes foram parar no mangue da Vila Velha, onde localizaram o corpo da vítima. Suspeitos já identificados e um preso. Crime esclarecido. Equipe mostrou profissionalismo e dedicação. Bingo!!

*E a pergunta do dia: Onde foram parar as dezenas de Hilux substituídas pelas novas viaturas da PM e da Polícia Civil?

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar